quarta-feira, 30 de julho de 2014

IBOPE: GAROTINHO LIDERA INTENÇÃO DE VOTO (21%) E REJEIÇÃO (44%)

DO G1:

30/07/2014 19h38 - Atualizado em 30/07/2014 19h48

Garotinho, Crivella e Pezão empatam tecnicamente, diz Ibope

Pesquisa tem margem de erro de 3 pontos percentuais para mais ou menos.
Com 11% das intenções de voto aparece o ex-senador Lindberg Farias (PT).

Do G1 Rio
Pesquisa do Ibope sobre a eleição para governador do Rio de Janeiro, divulgada nesta quarta-feira (30), mostra o candidato Anthony Garotinho (PR) com 21% das intenções de voto. Marcelo Crivella (PRB) vem em segundo lugar com 16% das intenções de votos e o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB), candidato à reeleição, com 15%. Com a margem de erro, eles estão tecnicamente empatados, segundo o Ibope. O ex-senador Lindberg Farias (PT) tem11%.
Intenção de voto- Governo do RJ
Veja os números do Ibope
211615112112112AnthonyGarotinho (PR)Marcelo Crivella(PRB)Luiz FernandoPezão (PMDB)Lindberg Farias(PT)Dayse Oliveira(PSTU)Ney Nunes(PCB)Tarcício Motta(PSOL)Brancos e nulosNão sabe/nãorespondeu0102030
Veja os números do Ibope para a pesquisa estimulada:
Anthony Garotinho (PR) – 21%
Marcelo Crivella (PRB) - 16%
Luiz Fernando Pezão (PMDB) – 15%
Lindberg Farias (PT) – 11%
Dayse Oliveira (PSTU) – 2%
Ney Nunes (PCB) – 1%
Tarcício Motta (PSOL) – 1%
Outros – 1%
Brancos e nulos – 21%
Não sabem ou não responderam – 12%
Rejeição
Ao mesmo tempo em que lidera as intenções de voto, Garotinho também tem o maior percentual de rejeição entre os entrevistados: 44% responderam que não votariam nele de jeito nenhum. Já Lindberg e Pezão empatam na rejeição do eleitorado com 17% e estão tecnicamente empatados com Crivella, rejeitado por 15% dos entrevistados.
 A pesquisa do Ibope foi realizada entre os dias 26 a 28 de julho. Foram entrevistados 1.204 eleitores. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro.
A pesquisa foi encomendada  pela  TV Globo e registrada no Tribunal Regional Eleitoral com o número  RJ- 00011/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral com o número BR - 00271/2014. É a primeira pesquisa do Ibope após a definição oficial das candidaturas.

ENQUANTO MALUF FOR CANDIDATO, A LEI DA FICHA LIMPA NÃO PASSA DE ILUSÃO



Consulta feita agora há pouco no site do TSE mostra que o ex-prefeito e ex-governador de São Paulo, Paulo Maluf, condenado mais de uma vez por desvio de dinheiro público e procurado pela Interpol em todo o mundo, é de novo, candidato à reeleição para a Câmara dos Deputados. E a lei da Ficha Limpa (Lei complementar 135/2010 - veja aqui), que torna inelegível os candidatos condenados por ór~gao judicial colegiado, perguntaria um incauto?
A propósito, Maluf declarou bens no total de R$ 35 milhões.


EDUARDO MUDA DISCURSO E NÃO QUER QUE ESTADOS PRODUTORES PERCAM ROYALTIES

O material jornalístico produzido pelo Estadão é protegido por lei. Para compartilhar este conteúdo, utilize o link:http://politica.estadao.com.br/noticias/eleicoes,campos-ajusta-discurso-sobre-partilha-de-royalties,1535824O material jornalístico produzido pelo Estadão é protegido por lei. Para compartilhar este conteúdo, utilize o link:http://politica.estadao.com.br/noticias/eleicoes,campos-ajusta-discurso-sobre-partilha-de-royalties,1535824Quando era governador de Pernambuco, estão não produtor de petróleo, Eduardo Campos, foi um dos líderes do movimento que alterou a lei de distribuição dos royalties pulverizando para todos os estados e municípios e impondo prejuízos especialmente aos estados do Rio de Espírito Santo. A eficácia da lei foi questionada no STF e suspensa enquanto aguarda julgamento.
Eduardo Campos, que agora é candidato à Presidência da República pelo PSB e precisa de votos em todos os estados mudou de ideia. Ele ontem, em visita ao Espírito Santo, defendeu que "os estados produtores não podem perder os direitos já assegurados".
Veja abaixo matéria publicada na edição de hoje de A Gazeta, de Vitória:

O candidato à Presidência da República pelo PSB, Eduardo Campos, assumiu nesta terça-feira (29) o compromisso de trazer mais recursos, atenção e respeito ao Espírito Santo, caso chegue ao Palácio do Planalto.

Ao lado de sua vice, a ex-senadora Marina Silva (PSB), e do governador Renato Casagrande (PSB), ele passou o dia inteiro em campanha no Estado e, em discurso feito à tarde para empresários e apoiadores, afirmou que ele e Marina vieram assumir compromissos com o Espírito Santo. Entre eles, o de reparar perdas econômicas e ajudar o governo estadual a destravar projetos estruturantes. “Vou dar ao Espírito Santo o que prometeram e não deram, e vou devolver o que tomaram.”

Campos disse que é ele quem vai tirar o Estado do abandono em que hoje se encontra, por ter sido privado das oportunidades concedidas pelo governo federal a outros Estados, inclusive Pernambuco – que o socialista governou por oito anos.

“O Espírito Santo sente claramente um dos problemas mais graves que se pode ter: o do abandono. A pior sensação é a de ser olhado e não ser visto. Ao longo dos últimos 20 anos, nos governos do PSDB e do PT, o Espírito Santo não teve oportunidades, nem com um, nem com outro. Cadê as BRs? Cadê o aeroporto? Cadê as melhorias das condições de infraestrutura?”
 
Foto: Fernando Madeira - GZ
Campos, entre Casagrande e Marina: dia marcado por atividades de campanha no Estado e discurso direto contra o governo federal

Chance

Campos criticou a polarização histórica entre PT e PSDB e apresentou sua chapa com Marina como a única que representa a verdadeira mudança de que o país necessita. “É preciso mudar de verdade. Não é tirar o vermelho e botar o azul. A única opção viável para mudar de verdade o Brasil é a nossa aliança.” E prosseguiu: “O Espírito Santo já deu a essas duas forças a oportunidade de governar. Agora é hora de dar uma chance a quem veio aqui assumir compromissos. Não vamos tirar nada do Espírito Santo. Vamos trazer recursos, atenção e respeito”.

Defendendo um novo pacto federativo que distribua melhor aos Estados e municípios as verbas hoje concentradas na União, o candidato socialista garantiu que, se eleito, uma de suas primeiras medidas será apresentar proposta de reforma tributária que dê mais oportunidades a Estados como o Espírito Santo. Já sobre a divisão dos royalties de petróleo, disse que os Estados produtores não podem perder os direitos já assegurados. 

E do Estadão:


terça-feira, 29 de julho de 2014

BRASIL TEM 142,8 MILHÕES DE ELEITORES. QUASE A METADE MORA NO SUDESTE


Ministro Dias Toffoli concede entrevista coletiva para divulgar estatísticas do eleitorado brasileiro

Nas eleições do próximo dia 5 de outubro, 142.822.046 eleitores brasileiros estão aptos a votar. O número representa um aumento de 5,17% em relação às eleições de 2010, quando havia 135.804.433 eleitores registrados na Justiça Eleitoral. O dado foi anunciado nesta terça-feira (29), pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Dias Toffoli.
A maior parte dos eleitores está localizada na região sudeste, que concentra 43,44%, somando 62.041.794 pessoas. O maior colégio eleitoral é o estado de São Paulo, com 31.998.432 eleitores. Na sequência aparecem Minas Gerais (15.248.681), Rio de Janeiro (12.141.145), Bahia (10.185.417) e Rio Grande do Sul (8.392.033). O menor colégio eleitoral é Roraima, com 299.558 eleitores. Já o município com o menor número de eleitores é Araguainha, em Mato Grosso, com 898 cidadãos aptos a votar.
Os dados estatísticos também mostram que a maior parte do eleitorado brasileiro é formada por mulheres. São 74.459.424 eleitoras representando 52,13% do total. Os homens representam 47,79%, sendo 68.247.598 eleitores.





Matéria na íntegra aqui no portal do TSE.

segunda-feira, 28 de julho de 2014

HOMEM ATIRA PEDRA NO PLANALTO





Um homem foi contido hoje (28) por seguranças do Palácio do Planalto, depois de atirar uma pedra em uma das vidraças da sede do Executivo. Identificado como Moacir Rocha de Oliveira, ele disse que veio da cidade de Livramento, na Bahia, e queria falar “ assunto particular” com a presidenta Dilma Rousseff.
“Ele é um viajante. Com frequência, aparecem pessoas que esse tipo de problema aqui. Nosso pessoal já está acostumado com isso. Não teve ameaça nenhuma. É uma pessoa que está com problema psicológico e jogou uma pedra na vidraça. Teve dano ao patrimônio, mas a gente quer preservar a integridade física e de saúde dele”, disse Alexandro Costa de Lima, chefe da Segurança do Palácio do Planalto.
Moacir chegou a ser encaminhado para a 5ª Delegacia de Polícia, na Asa Norte, mas como se trata de uma ocorrência em área de segurança nacional, teve que ser levado para a Superintendência da Polícia Federal.
No momento do incidente, a presidenta não estava no Palácio do Planalto. Ela passou a manhã no Palácio da Alvorada, residência oficial.
Wilson Dias/Agência Brasil (foto)

III FESTIVAL DE ESQUETES DO IFF



O III Festival de Esquetes do IFF vai trazer a Campos este ano grupos de Niterói, Rio e São Paulo. O evento vai ser aberto no dia 1º de agosto, às 19 horas com a apresentação da peça Pirandelo? Nunca mais! No dia 02 haverá a apresentação dos esquetes a partir das 19h30min. Os trabalhos serão apresentados no Teatro Municipal Trianon e a entrada é franca. Os esquetes são caracterizados pelo humor, poucos recursos cênicos e o trabalho de ator, em muitos casos apresentando um monólogo.
            A sequência das histórias é a seguinte:

Vida de cão – 19h30min
O coma – 19h50min
Um metro de terra – 20h10min
Cidade Solidão – 20h30min
O leite da jacaroa – 20h50min
Brincadeira – 21h10min

Caso desejem mais detalhes: http://nosdoteatro.webnode.com//
(Cordenação: Kátia Macabu – 998 363984)

Antonio Fernando
Comunicação do campus Campos Centro

JOÃO DORIA JR. NO RODA VIVA DESTA SEGUNDA-FEIRA

Mundo corporativo brasileiro e percepção sobre atual cenário da economia serão alguns dos assuntos debatidos; edição vai ao ar, ao vivo, às 22h
Jornalismo
João Dória Júnior / Foto: Divulgação (2)
Presidente e mentor do Grupo de Líderes Empresariais (Lide), João Doria Jr. é o entrevistado do Roda Viva desta segunda-feira (28). O mundo corporativo brasileiro e a percepção dos empresários sobre o atual cenário da economia são alguns dos assuntos da entrevista. A edição vai ao ar às 22h, ao vivo, na TV Cultura, sob o comando do jornalista Augusto Nunes.
Formado em Jornalismo e Publicidade, Doria foi secretário de Turismo da cidade de São Paulo e presidente da Embratur. Em 1992, fundou o Grupo Doria, composto por seis empresas. O Lide, um de seus principais carros-chefe, reúne mais de 1.600 companhias que, juntas, representam 52% do Produto Interno Bruto (PIB) privado brasileiro. Também é apresentador do programa Show Business, na TV Bandeirantes, no ar há mais de 20 anos.
Em 2012, pelo quarto ano consecutivo, foi eleito uma das cem pessoas mais influentes do Brasil e do mundo, segundo a revista IstoÉ. Em 2014 foi escolhido, pela segunda vez, consecutiva um dos cem líderes de melhor reputação do Brasil, em pesquisa feita pela empresa europeia Merco, publicada no Brasil pela Exame.com. O empresário assina, também, uma coluna na revista Forbes Brasil.
Esta edição do Roda Viva vai contar com uma bancada de entrevistadores formada por: David Cohen, diretor de redação da revista Época Negócios; Raquel Landim, repórter especial do jornal Folha de S. Paulo; Carla Jimenez, editora chefe da edição brasileira do jornal espanhol El País; Ana Clara Costa, editora de economia do site da revista Veja; e Ralphe Manzoni Jr., diretor de conteúdo digital da revista Isto É Dinheiro e autor do blog Bastidores das Empresas. O cartunista Paulo Caruso também participa com suas charges durante o programa.

(Da TV Cultura - SP)

SABATINA COM DILMA HOJE NA FOLHA/SBT/UOL COM TRANSMISSÃO AO VIVO ÀS 15H




OS QUE MATARAM O MONITOR QUE SE BANQUETEIEM COM OS DESPOJOS

Essa história é um clássico caso de desfile de hipócritas. Aliás, eles que assassinaram o Monitor que se banqueteiem com os despojos.





Do Blog "Em Tempo", de Cilênio Tavares (aqui):

A “volta” do Monitor Campista

É no mínimo estranho, para dizer o menos, o comportamento do diretor-presidente do Grupo Diários Associados, Maurício Dinepi, que há quase cinco anos definiu pelo fechamento do jornal Monitor Campista, até então, o terceiro jornal mais antigo em atividade no país e o quinto da América do Sul.
Na ocasião, um grupo de funcionários, apoiados por pessoas da sociedade que se mostraram bem intencionadas, tentou de todas as maneiras conseguir R$ 250 mil para comprar apenas a marca do jornal. O tempo dado por Dinepi para que jornalistas conseguissem o dinheiro foi mínimo e o negócio não vingou. O acervo foi levado ao Rio de Janeiro e só recentemente retornou a Campos.
Agora, num passe de mágica, eis que ele cede a marca à Prefeitura de Campos.

Abaixo, a íntegra da assinatura da cessão:
A prefeita Rosinha Garotinho e o diretor-presidente do Grupo Diários Associados, Maurício Dinepi, assinaram nesta sexta-feira (25) o termo de cessão ao município da marca do Monitor Campista, o terceiro jornal mais antigo do Brasil, fundado em 1834.
O ato, realizado no escritório de representação de Campos, no Rio de Janeiro, deu continuidade ao diálogo aberto entre município e o Grupo Diários Associados, que resultou, em uma primeira etapa, na doação do acervo do jornal Monitor Campista e agora na cessão da marca. “Estou muito contente porque conseguimos avançar e ceder ao município o acervo e a marca do Monitor”, disse Maurício Dinep.
A prefeita Rosinha Garotinho destacou a importância dos entendimentos mantidos com o grupo Diários Associados, que era proprietário do jornal Monitor Campista. “Estou feliz por não deixarmos morrer o nome do Monitor, que dará o nome de nosso Diário Oficial. A vida do jornal se entrelaça com a história de Campos, registrando importantes momentos de nosso município”, declarou a prefeita Rosinha Garotinho.



VITOR MENEZES LANÇA LIVRO NO RIO



O jornalista e escritor Vitor Menezes lança nesta terça-feira, dia 29, a partir das 18h na Livraria da Travessa, em Botafogo, seu livro de contos e crônicas "Eu transaria com mortos".

domingo, 27 de julho de 2014

FAÇA CHUVA OU FAÇA SOL...


Fotos: Gerson Gomes/Facebook

O secretário de Governo, Suledil Bernardino, na organização da carreata - Foto Jocelino Rocha - Facebook

O frio a chuva fina que cai na cidade durante todo o final de semana não desanimaram a prefeita Rosinha que até agora há pouco comandou uma carreta pelas ruas de Guarus. Desfilou ao lado do vice-prefeito Chicão e dos candidatos Eber Silva e Pudim no alto de uma Hilux. Antes, devidamente, guarnecida por uma capa de chuva, liderou a tropa em caminhada pelas ruas.
Enquanto isso,  a oposição....

quarta-feira, 23 de julho de 2014

EX-DELEGADO CONFIRMA À COMISSÃO NACIONAL DA VERDADE A MORTE E INCINERAÇÃO DOS CORPOS DE OPOSITORES DO REGIME MILITAR EM USINA DE CAMPOS

O ex-delegado Cláudio Guerra reafirmou hoje, em depoimento à Comissão Nacional da Verdade, em Brasília, o assassinato e incineração de dos corpos de opositores do regime militar (1964-1985) nos fórnos da Usina Cambaíba.
Veja a matéria aqui


A informação já tinha sido divulgada num livro publicado pelo ex-delegado, "Memórias de uma guerra suja". O próprio Cláudio Guerra já tinha confirmado a macabra operação em entrevista ao jornalista Vitor Menezes para o documentário "Forró em Cambaíba" (veja abaixo):




Mais:

Entrevista de Claúdio Guerra ao jornalista Alberto Dines, do Observatório da Imprensa:


JUSTIÇA CONCEDE LIBERDADE PROVISÓRIA AOS ATIVISTAS PRESOS ANTES DA FINAL DA COPA


Ilustração pesquisa pelo BLOG no site www.tj.jus.br



Do portal do Tribunal de Justiça (TJ-RJ) - aqui -



O desembargador Siro Darlan, da 7ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio (TJRJ), concedeu no fim da tarde desta quarta-feira, dia 23, liberdade provisória aos 23 ativistas que respondem pelo crime associação criminosa. Os acusados tiveram pedido de prisão preventiva decretado no dia 18, sexta-feira.

Tiveram o pedido de liminar deferido, podendo aguardar o julgamento da ação penal em liberdade:

Luiz Carlos Rendeiro Junior, Igor Mendes da Silva, Drean Moraes de Moura Corrêa, Shirlene Feitoza da Fonseca, Leonardo Fortini Baroni Pereira, Pedro Guilherme Mascarenhas Freire, André de Castro Sanchez Basseres, Fabio Raposo Barbosa, Caio Silva Rangel, Eliza Quadros Pinto Sanzi, Gabriel da Silva Marinho, Karlayne Moraes da Silva Pinheiro, Eloisa Samy Santiago, Camila Aparecida Rodrigues Jourdan, Igor Pereira D’ Icarahy, Emerson Raphael Oliveira da Fonseca, Rafael Rêgo Barros Caruso, Filipe Proença de Carvalho Moraes, Felipe Frieb de Carvalho, Pedro Brandão Maia, Bruno de Souza Vieira Machado, Rebeca Martins de Souza e Joseane Maria Araújo de Freitas.

Processo no - 0035621-68.2014.8.19.0000




Do Blog: Com a decisão fica clara que a prisão preventiva, pedida, concedida e cumprida, às vésperas da partida final da Copa do Mundo, no Rio, ao fim de uma investigação de 12 meses, foi mais política que jurídica.
O assunto vai render muito ainda.

MORREU ARIANO SUASSUNA

23/07/2014 18h01 - Atualizado em 23/07/2014 18h05

Morre no Recife, aos 87 anos, o escritor Ariano Suassuna

Ele sofreu um AVC na noite de segunda-feira e passou por cirurgia.
Nascido na Paraíba, ele vivia no Recife desde 1942.

Do G1 PE
Em março de 2010, Ariano Suassuna deu uma aula-espetáculo durante o Festival de Teatro de Curitiba (Foto: Lenise Pinheiro / Folhapress)Em março de 2010, Ariano Suassuna deu uma aula-espetáculo durante o Festival de Teatro de Curitiba (Foto: Lenise Pinheiro / Folhapress)
Morreu no Recife, nesta quarta-feira (23), o escritor, dramaturgo e poeta paraibano Ariano Suassuna, aos 87 anos. Ele estava internado desde a noite de segunda (21) na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Português, onde foi submetido a uma cirurgia na mesma noite após sofrer um acidente vascular cerebral (AVC) do tipo hemorrágico.

Do g1 - matéria completa aqui.

OPERAÇÃO CONTRA TRÁFICO DE DROGAS EM CAMPOS

Do Portal do Ministério Público do RJ (aqui):

23/07/2014 12:18

Operação Escova Macaco cumpre mandados de busca e apreensão em Campos

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio da 2ª Promotoria de Justiça de Investigação Penal de Campos dos Goytacazes, em parceria com as polícias Militar e Rodoviária Federal, deflagrou, na manhã desta quarta-feira (23/07), a Operação Escova Macaco, contra o tráfico de drogas e em resposta ao aumento do número de homicídios na localidade. O objetivo é o cumprimento de 23 mandados de busca e apreensão concentrados principalmente no bairro Parque Novo Jóquei e em localidades do distrito de Travessão.

Até as 11h, quatro adolescentes haviam sido apreendidos e sete pessoas, presas em flagrante — sendo cinco homens e duas mulheres. Também foram aprendidos arma, munições, maconha, cocaína, dinheiro em espécie, cartões de banco, tablets e vários celulares.

A operação é resultado de uma investigação sobre as frequentes disputas pela liderança do tráfico no local entre as facções Terceiro Comando Puro e Amigo dos Amigos.

Participam da ação agentes do Grupo de Apoio aos Promotores de Justiça (GAP) de Campos e 120 policiais militares, que contam com ajuda de cães farejadores e 30 viaturas.

Foto: Ururau
Mais informações na Folha on line (aqui), Ururau (aqui) e Campos 24 horas (aqui).

PROCESSOS PELA CASSAÇÃO DE ROSINHA/CHICÃO ESTÃO NA 99ª ZE


Consultas feitas agora há pouco, às 15h01 no portal do TRE.

Do Blog de Fernando Leite (aqui):

quarta-feira, julho 23, 2014

AÇÃO DE AFASTAMENTO DA PREFEITA AGUARDA SENTENÇA DA 99ª ZONA ELEITORAL

Conversei com José Geraldo, ex-candidato à prefeito de Campos, autor de três da cinco ações que tiveram parecer favorável e que pedem o afastamento judicial da prefeita de Campos e de seu vice.Seus questionamentos, consubstanciados por "provas robustas" acusam a então prefeita-candidata de abusos de poder político e econômico e prática de conduta vedada.

José Geraldo acredita e espera num julgamento célere do juizo da 99ª Zona Eleitoral. "A matéria é de rito sumaríssimo e se sobrepõem à pauta regimental", disse. "Há ainda uma questão que precede o julgamento propriamente dito, que é  a autoavaliação do magistrado Paulo Assed Estefan de seu impedimento ou não. Contudo, imagino que a sociedade quer esta questão julgada o quanto antes"; comento José Geraldo.

Embora já tenha recebido o processo concluso para sentença, o juizado da 99ª ainda não anunciou data para julgamento.

Zé Geraldo é autor de três das 5 ações que pedem afastamento da prefeita

PMCG PUBLICA CONTRATO PARA COMPRA DE UNIFORMES POR R$ 7,6 MILHÕES COM ATRASO DE MAIS DE 100 DIAS

 Da página 11 do Diário Oficial do Município de hoje, 23/07/2014:
Extrato de contrato assinado em 04/04/2014 para aquisição de kits de uniformes escolares no valor de R$ 7.678.971,75 e só publicado hoje, mais de 100 dias depois por "omissão".


ABUSOS DA CAMPANHA DE ROSINHA DE 2012 AINDA ASSOMBRAM

Da Folha da Manhã desta quarta-feira, 23/07/2014 (aqui):

MP emite parecer por cassação de Rosinha e Chicão

Alexandre Bastos
Foto: Secom / divulgação
A disputa pela Prefeitura de Campos em 2012, vencida pela prefeita Rosinha Garotinho (PR) no primeiro turno, conta com uma espécie de “segundo turno” nos tribunais. Ao todo estão tramitando cinco processos na Justiça: três ajuizados pelo empresário José Geraldo e pelo PRP, um proposto pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) e outro pela coligação do PT, que chegou na segunda colocação do pleito com o médico Makhoul Moussallem. Ao analisar as ações que solicitam a cassação do diploma da prefeita Rosinha e do vice Chicão Oliveira (PP), assim como a inelegibilidade dos dois por oito anos, o Ministério Público (MP) emitiu parecer favorável. Agora, cabe ao juiz Paulo Assed Estefan, da 99ª Zona Eleitoral de Campos julgar os processos.
Os processos propostos pelo MPE e PT, por serem semelhantes — notícias no site da Prefeitura, no jornal O Diário e obras com as cores rosáceas, tramitam em conjunto. Por isso, foi apresentado apenas um parecer do MP, que servirá para os dois. No parecer, a promotora Renata Felisberto Nogueira Chaves afirma que “a conduta abusiva dos representados importaram em desequilíbrio do pleito eleitoral, favorecendo a candidata à reeleição”. O parecer solicita a cassação dos diplomas de Rosinha e Chicão, bem como a declaração de inelegibilidade da prefeita, do vice, do deputado federal Anthony Garotinho (PR) e do vereador Mauro Silva (PT do B), que na ocasião respondia pela secretaria de Comunicação.
Os processos propostos por José Geraldo e pelo PRP, que têm como um dos advogados José Paes Neto, dizem respeito aos contratados pelo Regime Especial de Direito Administrativo (Reda), as obras de asfaltamento realizadas no Jardim Carioca, na antevéspera da eleição e aos prédios públicos pintados com a cor rosácea. “Os pareceres do Ministério Público têm como fundamento as robustas provas constantes nos autos dos processos e que dão conta dos abusos praticados durante o período eleitoral. Estamos confiantes num resultado favorável. Agora, nos resta aguardar as decisões do juízo eleitoral, que esperamos sejam tomadas de forma célere”, diz José Paes Neto.
O empresário José Geraldo, que aponta abuso de poder político, abuso de poder econômico e práticas de condutas vedadas ao gestor público em exercício de sua função durante as eleições municipais de 2012, também aguarda a decisão. “Vamos esperar e confiar na competência do juiz eleitoral”, disse.
Prefeita foi afastada em 2010 e 2011
A prefeita Rosinha Garotinho foi cassada duas vezes: em 27 de maio de 2010 e 28 de setembro de 2011. Na primeira vez, ela, Chicão, Garotinho e outras pessoas foram condenados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) por uso indevido dos meios de comunicação na campanha de 2008. Eles recorreram e, no julgamento do Agravo, em junho do mesmo ano, além de manterem a condenação, os membros do Tribunal decidiram pela saída imediata de Rosinha do cargo. Dois recursos contra essa condenação foram para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) — um envolvendo todos os réus e o que foi anulado em dezembro de 2010 e devolvido à primeira instância para novo julgamento. Esse processo foi julgado em 28 de setembro de 2011 pela juíza Gracia Cristina Moreira do Rosário e o grupo mais uma vez foi condenado. Rosinha e Chicão obtiveram liminar, primeiro por 30 dias, prorrogado por mais 30 até que o desembargador federal Sergio Schwaitzer decidiu que a prefeita permanece no cargo até o julgamento do Recurso Eleitoral impetrado na Corte contra a cassação.
23/07/2014 11:00

OPERAÇÃO CONTRA TRÁFICO DE DROGAS CUMPRE 23 MANDATOS AGORA DE MANHÃ EM CAMPOS

Do Ururau (aqui):



23 de julho de 2014 · 07:53
CIDADES E REGIÃO - COMBATE AO CRIME

Megaoperação de combate ao tráfico em Campos, Guarus e Travessão

Polícias Militar, Civil e agentes do GAP participam da ação
 Carlos Grevi / Stella Freitas

Polícias Militar, Civil e agentes do GAP participam da ação

Desde as primeiras horas da manhã desta quarta-feira (23/07), uma megaoperação policial acontece em diversos bairros de Travessão, como o Santuário e a comunidade do Escova Macaco, e também de Campos, como Eldorado, Codin e Novo Jóquei.
Segundo informações do sub-comandante do 8º Batalhão de Polícia Militar (BPM), Major Fábio Campos, a operação visa o cumprimento de 23 mandados de busca e apreensão e tem o objetivo de repreender o tráfico de drogas e levar sensação de segurança à população.
A operação conta com homens da Polícia Militar, com reforço do 32º BPM de Macaé, 36º BPM Santo Antônio de Pádua e 29º BPM de Itaperuna, além da Polícia Civil, do Grupo de Apoio a Promotoria (GAP) e de cães do Batalhão de Operações com Cães (BAC). Ao todo 120 agentes participam da operação.
Até o momento foram apreendidas drogas e na comunidade do Escova Macaco duas pessoas foram detidas e quatro menores, um de 13 anos, dois de 14 anos e um de 17 anos foram apreendidos, além de quatro munições de calibre 12, 36 de calibre 38 e um revólver com numeração raspada. Na Rua José Giró Faísca foram apreendidas 54 buchas de maconha.
* Mais informações em instantes

terça-feira, 22 de julho de 2014

PANACEIA (1)

E a versão com o próprio Caetano?


PANACEIA

Ouvir "Mãe", de Caetano Veloso, na voz de Gal Costa, cura todos os males. Os meus, pelo menos.


TRE APREENDE MATERIAL IRREGULAR DOS MAIA E DOS PICCIANI

Do portal do TRE (aqui):

22/07/2014 - 16:41

Fiscalização apreende material irregular de Cesar Maia e Rodrigo Maia

A fiscalização do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro apreendeu num galpão em Ramos, na Zona Norte, milhares de placas e panfletos irregulares do candidato ao senado Cesar Maia (DEM), do filho Rodrigo Maia (DEM), candidato a deputado federal, e dos irmãos e candidatos Leonardo Picciani (PMDB), a deputado federal, e Rafael Picciani (PMDB), a deputado estadual. Parte do material de campanha não tinha informações obrigatórias, como CNPJ da gráfica e tiragem. A propaganda de Rodrigo Maia, em dobradinha com outros políticos, exibia dados falsos sobre a tiragem, indicando possível maquiagem de despesas de campanha e de tributos. O Ministério Público decidirá as providências nas áreas eleitoral e fiscal.

A tiragem informada no material de campanha de Rodrigo Maia com Haroldo Borges (DEM) era de 10 mil panfletos, mas foram apreendidos 20 mil. A produção de 30 mil santinhos dele com Carlos Bessa (DEM) foi informada como despesa com um lote de 10 mil. O flagrante ocorreu numa inspeção de rotina, quando os fiscais orientavam duas pessoas com dificuldade para colocar placa de César Maia num terreno particular, e notaram então a falta do CNPJ e da tiragem no material produzido na gráfica Stampa. A juíza da fiscalização eleitoral, Daniela Barbosa Assumpção de Souza, determinou um mandado de busca e apreensão no local.

ENQUANTO ISSO, NO PALÁCIO DA JUSTIÇA (?)...

Do Blog "Na Curva do rio", de Suzy Monteiro (aqui):

TJ suspende decisão que obrigava prefeitura abrir “caixa preta” dos terceirizados e nomeados

A desembargadora Maria Regina Nova, do Tribunal de Justiça, derrubou a decisão da 2ª Vara Cível da Comarca de Campos, que obrigava a Prefeitura a prestar os esclarecimentos sobre terceirizados, nomeados e contratados. A informação é do advogado Cléber Tinoco, postada em rede social.
A desembargadora atendeu pedido da Prefeitura de Campos, que impetrou Agravo de Instrumento junto ao TJ, querendo efeito suspensivo na decisão de primeira instância.
Assim, no momento, a prefeitura está desobrigada a prestar as informações, mas cabe recursos de ambas as partes. E o mérito (a ação em si) ainda será apreciado.
O pedido de informações sobre terceirizados, nomeados e cargos de confiança foi formulado pelo vereador Rafael Diniz, representado por Cléber Tinoco. A decisão de ir à Justiça em busca dos dados ocorreu pelo fato de ele ter pedidos de informação negados pela Câmara e pela Prefeitura.
Em 20 de junho, ele ingressou com ação na Justiça e o pedido foi deferido seis dias depois pela 2ª Vara Cível, que obrigou o município a prestar os esclarecimentos devidos.  
“A relatora do recurso de agravo interposto pelo Município concedeu-lhe, infelizmente, efeito suspensivo para desobrigar a Administração do fornecimento da listagem dos servidores municipais requerida pelo vereador Rafael Diniz (efetivos, contratados, terceirizados, comissionados etc.), ao menos até o julgamento final do recurso. Trocando em miúdos, foi deferido em favor do Município a suspensão provisória da ordem judicial para fornecimento da listagem dos servidores”, informou o advogado.
Leia mais sobre a ação proposta no Bastos.