quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Feliz 2010

Esperança

Lá bem no alto do décimo segundo andar do Ano
Vive uma louca chamada Esperança
E ela pensa que quando todas as sirenas
Todas as buzinas
Todos os reco-recos tocarem
Atira-se
E
— ó delicioso vôo!
Ela será encontrada miraculosamente incólume na calçada,
Outra vez criança...
E em torno dela indagará o povo:
— Como é teu nome, meninazinha de olhos verdes?
E ela lhes dirá
(É preciso dizer-lhes tudo de novo!)
Ela lhes dirá bem devagarinho, para que não esqueçam:
— O meu nome é ES-PE-RAN-ÇA...

(Mário Quintana)

terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Nível do Paraíba volta a subir




O nível do Rio Paraíba do Sul está em 8m 75 cm na medição de agora há pouco, às 17h40.

Vamos improvisar 1?



Falando em puxadinho, os camelôs que trabalham na Praça do Santíssimo Salvador e adjacências serão transferidos para esse arranjo ai de cima. Na verdade, é um toldo branco que vai cobrir o pequeno trecho da rua que separa o Shopping Popular Michel Haddad e o prédio do Mercado Municipal.
Mais uma solução improvisada.

Vamos improvisar?


As imagens acima, são de agora há pouco e mostram o andamento da "praça de alimentação", já batizada de "puxadinho de Rosinha", porque fica embaixo da ponte que lava o nome da prefeita. Para o local serão levados todos os ambulantes e traileres que tomaram metade da Rua Alberto Torres, entre a Praça do Santissimo Salvador e Rua Barão de Amazonas.
As obras estão orçadas em R$ 477.475,59 (ver foto da placa acima) e deveriam ser entregues no final deste ano, mas, como mostram as fotos, só se for por milagre. Mas importante que cumprir prazos e ter soluções definitivas para os problemas. A transferência dos ambulantes da Alberto Torres para um "monstrengo" deibaixo da ponte é o retrato de uma administração que prima pelo improviso.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Gabaritos do concurso para Macaé

Ao todo, 17.823 candidatos compareceram neste domingo (27), aos 13 pontos de aplicação da prova do concurso para a prefeitura de Macaé no cargo de professor das classes C - nível médio e superior, A – Educação Infantil e Fundamental, além de Braile e Libras. Questões de Língua Portuguesa, Legislação Educacional, Didática e Conhecimentos Específicos compuseram a prova objetiva. Foram oferecidas 255 vagas com contratação imediata para a rede em 2010. O resultado será divulgado no próximo dia seis de janeiro.


O gabarito foi divulgado no final da tarde desta segunda-feira (28) no site do incp.org.br. A publicação final do resultado está prevista para o dia 30 de janeiro. Os aprovados serão distribuídos entre as 109 escolas municipais, conforme suas necessidades. Para a subsecretária de Administração da Educação, Roze Salgado, o dia de prova foi marcado pela baixa abstenção. "Tivemos mais de 17 mil inscritos, dos quais 1.226 não compareceram aos núcleos de prova. Consideramos um número baixo de abstinências", disse.

Abaixo, os gabaritos:



CONCURSO PÚBLICO 01/2009
PREFEITURA MUNICIPAL DE MACAÉ
GABARITO OFICIAL
001 - PROFESSOR A - 1º AO 5º -ED INFANTIL
01- B 02- D 03- C 04- A 05- C 06- D 07- A 08- C 09- B 10- A
11- D 12- C 13- C 14- D 15- A 16- B 17- A 18- D 19- B 20- A
21- D 22- B 23- C 24- C 25- D 26- B 27- D 28- C 29- C 30- A
31- A 32- D 33- D 34- B 35- D 36- C 37- C 38- B 39- A 40- D
41- C 42- A 43- C 44- B 45- C 46- C 47- A 48- C 49- A 50- X
002 - PROFESSOR A - EDUC INFANTIL
01- B 02- D 03- C 04- A 05- C 06- D 07- A 08- C 09- B 10- A
11- D 12- C 13- C 14- D 15- A 16- B 17- A 18- D 19- B 20- A
21- D 22- B 23- C 24- C 25- D 26- C 27- B 28- C 29- D 30- A
31- C 32- B 33- C 34- D 35- A 36- B 37- D 38- A 39- C 40- B
41- D 42- A 43- C 44- C 45- A 46- C 47- A 48- C 49- A 50- X
003 - PROFESSOR A - 1º AO 5º ANO
01- B 02- D 03- C 04- A 05- C 06- D 07- A 08- C 09- B 10- A
11- D 12- C 13- C 14- D 15- A 16- B 17- A 18- D 19- B 20- A
21- D 22- B 23- C 24- C 25- D 26- B 27- D 28- D 29- C 30- A
31- C 32- D 33- B 34- D 35- A 36- D 37- B 38- A 39- A 40- A
41- C 42- B 43- C 44- D 45- C 46- C 47- A 48- C 49- A 50- X
004 - PROFESSOR A - BRAILE
01- B 02- D 03- C 04- A 05- C 06- D 07- A 08- C 09- B 10- A
11- D 12- C 13- C 14- D 15- A 16- B 17- A 18- D 19- B 20- A
21- D 22- B 23- C 24- C 25- D 26- C 27- A 28- D 29- B 30- D
31- B 32- A 33- C 34- D 35- C 36- A 37- C 38- C 39- C 40- A
41- D 42- B 43- C 44- A 45- A 46- C 47- A 48- C 49- A 50- X
005 - PROFESSOR A - LIBRAS
01- B 02- D 03- C 04- A 05- C 06- D 07- A 08- C 09- B 10- A
11- D 12- C 13- C 14- D 15- A 16- B 17- A 18- D 19- B 20- A
21- D 22- B 23- C 24- C 25- D 26- A 27- C 28- D 29- B 30- B
31- A 32- C 33- B 34- D 35- A 36- D 37- B 38- C 39- A 40- C
41- A 42- D 43- B 44- B 45- D 46- C 47- A 48- C 49- A 50- X
006 - PROFESSOR A - INTÉRPRETE DE LIBRAS
01- B 02- D 03- C 04- A 05- C 06- D 07- A 08- C 09- B 10- A
11- D 12- C 13- C 14- D 15- A 16- B 17- A 18- D 19- B 20- A
21- D 22- B 23- C 24- C 25- D 26- C 27- A 28- C 29- B 30- D
31- A 32- B 33- C 34- D 35- A 36- D 37- C 38- B 39- B 40- A
41- D 42- C 43- D 44- A 45- C 46- C 47- A 48- C 49- A 50- X
007 - PROFESSOR A - ATEND. EDUC. ESPECIAL
01- B 02- D 03- C 04- A 05- C 06- D 07- A 08- C 09- B 10- A
11- D 12- C 13- C 14- D 15- A 16- B 17- A 18- D 19- B 20- A
21- D 22- B 23- C 24- C 25- D 26- B 27- D 28- A 29- D 30- C
31- D 32- A 33- C 34- A 35- C 36- C 37- D 38- B 39- B 40- D
41- B 42- D 43- B 44- A 45- C 46- C 47- A 48- C 49- A 50- X
101 - ORIENTADOR PEDAGÓGICO
01- C 02- D 03- B 04- C 05- C 06- A 07- D 08- A 09- B 10- C
11- B 12- D 13- A 14- C 15- B 16- A 17- X 18- A 19- B 20- C
21- B 22- D 23- A 24- C 25- D 26- C 27- A 28- C 29- B 30- A
31- D 32- B 33- A 34- D 35- C 36- B 37- A 38- A 39- C 40- B
41- D 42- A 43- C 44- A 45- C 46- A 47- X 48- D 49- B 50- C
102 - ORIENTADOR EDUCACIONAL
01- C 02- D 03- B 04- C 05- C 06- A 07- D 08- A 09- B 10- C
11- B 12- D 13- A 14- C 15- B 16- A 17- X 18- A 19- B 20- C
21- B 22- D 23- A 24- C 25- D 26- C 27- D 28- C 29- B 30- A
31- A 32- C 33- B 34- A 35- D 36- C 37- C 38- D 39- B 40- A
41- D 42- C 43- B 44- D 45- C 46- A 47- X 48- D 49- B 50- C
103 - SUPERVISOR DE ENSINO
01- C 02- D 03- B 04- C 05- C 06- A 07- D 08- A 09- B 10- C
11- B 12- D 13- A 14- C 15- B 16- A 17- X 18- A 19- B 20- C
21- B 22- D 23- A 24- C 25- D 26- B 27- A 28- C 29- A 30- D
31- A 32- D 33- B 34- B 35- D 36- C 37- A 38- D 39- C 40- A
41- D 42- A 43- B 44- C 45- A 46- A 47- X 48- D 49- B 50- C
104 - PROFESSOR C - CIÊNCIAS
01- C 02- D 03- B 04- C 05- C 06- A 07- D 08- A 09- B 10- C
11- B 12- D 13- A 14- C 15- B 16- A 17- X 18- A 19- B 20- C
21- B 22- D 23- A 24- C 25- D 26- C 27- A 28- D 29- A 30- C
31- C 32- D 33- B 34- B 35- D 36- A 37- C 38- B 39- A 40- C
41- D 42- X 43- B 44- C 45- A 46- C 47- D 48- A 49- C 50- A
105 - PROFESSOR C - EDUC. ARTÍSTICA
01- C 02- D 03- B 04- C 05- C 06- A 07- D 08- A 09- B 10- C
11- B 12- D 13- A 14- C 15- B 16- A 17- X 18- A 19- B 20- C
21- B 22- D 23- A 24- C 25- D 26- C 27- A 28- D 29- B 30- D
31- C 32- C 33- A 34- B 35- D 36- C 37- B 38- D 39- A 40- C
41- B 42- D 43- C 44- C 45- A 46- C 47- D 48- A 49- C 50- A
106 - PROFESSOR C - EDUC. FÍSICA
01- C 02- D 03- B 04- C 05- C 06- A 07- D 08- A 09- B 10- C
11- B 12- D 13- A 14- C 15- B 16- A 17- X 18- A 19- B 20- C
21- B 22- D 23- A 24- C 25- D 26- C 27- A 28- D 29- B 30- C
31- B 32- A 33- D 34- C 35- C 36- C 37- C 38- B 39- A 40- C
41- D 42- B 43- D 44- A 45- C 46- C 47- D 48- A 49- C 50- A
107 - PROFESSOR C - GEOGRAFIA
01- C 02- D 03- B 04- C 05- C 06- A 07- D 08- A 09- B 10- C
11- B 12- D 13- A 14- C 15- B 16- A 17- X 18- A 19- B 20- C
21- B 22- D 23- A 24- C 25- D 26- C 27- B 28- A 29- B 30- D
31- A 32- C 33- C 34- A 35- B 36- A 37- C 38- D 39- B 40- B
41- A 42- C 43- A 44- D 45- C 46- C 47- D 48- A 49- C 50- A
108 - PROFESSOR C - HISTÓRIA
01- C 02- D 03- B 04- C 05- C 06- A 07- D 08- A 09- B 10- C
11- B 12- D 13- A 14- C 15- B 16- A 17- X 18- A 19- B 20- C
21- B 22- D 23- A 24- C 25- D 26- D 27- C 28- B 29- C 30- C
31- A 32- D 33- B 34- C 35- A 36- D 37- B 38- A 39- C 40- D
41- B 42- D 43- D 44- D 45- B 46- C 47- D 48- A 49- C 50- A
109 - PROFESSOR C - INGLÊS
01- C 02- D 03- B 04- C 05- C 06- A 07- D 08- A 09- B 10- C
11- B 12- D 13- A 14- C 15- B 16- A 17- X 18- A 19- B 20- C
21- B 22- D 23- A 24- C 25- D 26- C 27- B 28- D 29- A 30- A
31- D 32- B 33- C 34- C 35- A 36- D 37- B 38- D 39- A 40- B
41- C 42- B 43- D 44- C 45- A 46- C 47- D 48- A 49- C 50- A
110 - PROFESSOR C - MATEMÁTICA
01- C 02- D 03- B 04- C 05- C 06- A 07- D 08- A 09- B 10- C
11- B 12- D 13- A 14- C 15- B 16- A 17- X 18- A 19- B 20- C
21- B 22- D 23- A 24- C 25- D 26- D 27- B 28- A 29- C 30- C
31- B 32- A 33- C 34- B 35- D 36- A 37- C 38- A 39- D 40- B
41- D 42- B 43- C 44- D 45- C 46- C 47- D 48- A 49- C 50- A
111 - PROFESSOR C - PORTUGUÊS
01- C 02- D 03- B 04- C 05- C 06- A 07- D 08- A 09- B 10- C
11- B 12- D 13- A 14- C 15- B 16- A 17- X 18- A 19- B 20- C
21- B 22- D 23- A 24- C 25- D 26- C 27- C 28- D 29- B 30- A
31- C 32- B 33- A 34- D 35- D 36- A 37- C 38- B 39- D 40- B
41- D 42- C 43- A 44- D 45- A 46- C 47- D 48- A 49- C 50- A
Obs.: As alternativas assinaladas com letra X, são consideradas anuladas.

Viva o Walter Jr.!


"Tudo que move é sagrado..." (3)

"Tudo que move é sagrado..." (2)

Get this widget | Track details | eSnips Social DNA

"Tudo que move é sagrado... " (1)

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Câmara deve votar orçamento hoje

Começou agora há pouco a sessão da Câmara para votação do orçamento para 2010. O valor é de R$ 1.413.407.262,50.
O presidente Nelson Nahim (PR) negou que o orçamento não tenha sido votado ontem por obstáculos da oposição e sim porque deixaram para hoje por entendimento.
A sessão é transmitida ao vivo pela Unitv (Canal 15 da Viacabo).

Farol X SJB

A programação divulgada ontem para as praias de São João da Barra é tão boa (Gilberto Gil, Maria Rita, Rita Lee, Nando Reis...) que não será surpresa se a Prefeitura de Campos alterar o seu elenco de shows já divulgado para o Farol de São Thomé. Compare as programações aqui no Blog E"stou procurando o que fazer"

SJB embolsou R$ 158,2 milhões em royalties em 2009

É um pequeno paraíso.
Um dos menores municipios do Estado, São João da Barra recebeu, de janeiro a dezembro deste ano, R$ 158,2 milhões com repasses mensais de royalties e Participação Especial. Foram R$ 73 milhões em doze em repasses mensais e R$ 85,2 milhões em quatro de participação especial.
Mesmo assim, o município continua sem hospital público, o transporte é péssimo, a segurança pior ainda...
Os dados são dos sites da ANP e Banco do Brasil e foram somados pelo autor do Blog.

Carro blindado para Rosinha


Está no Diário Oficial de hoje: a Prefeitura de Campos vai ALUGAR por R$ 380 mil, cinco carros, inclusive um BLINDADO para servir ao Gabinete da Prefeita e outros órgãos. Clique na imagem para conferir. No texto da homologação da licitação não consta o prazo, mas os carros vêm sem motorista e sem combustível.

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Queda nos royalties foi de R$ 371,6 em relação a 2008

No passado, no tristemente inesquecível 2008, a Prefeitura de Campos recebeu R$ 1,2 bilhão de royalties e participação especial pela exploração de petróleo. O valor é maior R$ 371,6 milhões em relação a 2009. Confira aqui.

Campos fecha 2009 com R$ 843,1 milhões de royalties e P.E

Com o repasse da última segunda-feira, de R$ 40,2 milhões, a Prefeitura de Campos fecha o primeiro ano do governo Rosinha com R$ 843,5 milhões, sendo R$ 419 milhões de repasses mensais e outros R$ 424,5 mlhões de participações especiais pagas trimestralmente. Confira os repasses:
Mensais:
Janeiro -    R$ 32,0 milhões
Fevereiro - R$ 25,6 milhões
Março    -  R$ 27,5 milhões
Abril -       R$ 26,5 milhões
Maio -       R$ 31,6 milhões
Junho -      R$ 31,4 milhões
Julho -       R$ 35,9 milhões
Agosto       R$ 41,6 milhões
Setembro - R$ 39,1 milhões
Outubro -   R$ 47,8 milhões
Novembro- R$ 39,8 milhões
Dezembro- R$ 40,2 milhões

Total - R$ 421 milhões


Participações Especiais


4o. Trimestre de 2008 - R$ 101,0 milhões (pago em fevereiro)
1o. Trimestre de 2009 - R$  76,5 milhões (pago em maio)
2o. Trimestre de 2009 - R$ 113 milhões (pagos em agosto)
2o. trimestre de 2009 -  R$ 134,6 milhões (pagos em novembro)


Total - R$ 424,1 milhões


Total geral - R$ 843,1 milhões


Dados da ANP e Banco do Brasil, somados pelo autor ao Blog

Sem surpresa (4)

Igualmente sem supresa é a continuação, por parte da Prefeitura de Campos, de despesas, digamos, mal explicadas. Confira aqui no imprescindível Blog do Cléber Tinoco.

Sem surpresa (3)

Garotinho está em Campos, onde hoje apresentou seu programa de rádio direto do Automóvel Clube para todo o Estado. Boquirroto como sempre, tem espalhado previsões e boatos por onde passa. E, como nem todos os seus seguidores tem apego ao segredo, sempre vaza alguma informação.
Por exemplo, teria dito que, dos três candidatos a deputado federal que serão lançados pelo PR na região, acredita que Geraldo Pudim deve ter cerca de 100 mil votos e se reeleger.
Sobre os outros dois, Paulo Feijó e David Loureiro, não arrisca palpite.

Sem surpresa (2)

Puxando pela memória, me lembro que, na eleição de 2006, quando Mocaiber era prefeito interino e disputava o pleito complementar contra Geraldo Pudim, houve um encontro estranho e até hoje não esclarecido no Palácio das Laranjeiras.
Numa mesa negociaram o então primeiro-damo do Estado, Anthony Garotinho e o próprio adversário, Alexandre Mocaiber.
Ou seja, o namoro vem de longe.

Sem surpresa (1)

Aliás, quem não deve estar gostando nada, nada desse namorico são os dois candidatos a deputado estadual do PR, Nelson Nahim e Roberto Henriques.
Roberto, foi vice-prefeito de Mocaiber e seu maior crítico na campanha do ano passado e dificilmente vai engolir que seus aliados aprovem as contas do governo que acusaram de ter sido o mais corrupto da história de Campos.

Sem surpresas

A Folha da Manhã divulgou em sua edição de hoje um "namoro" entre o ex-governador Garotinho e o ex-prefeito Mocaiber, alías, conforme o jornalista Roberto Barbosa tinha publicado em seu Blog (aqui) dias atrás.
Mocaiber e Garotinho se encontraram, por acaso, no elevador do prédio onde o ex-prefeito mora, que é o mesmo em que reside Wladimir, filho do ex-governador. A conversa foi rápida, mas deixou plantada uma semente para que caminhem juntos em 2010.
Mocaiber precisa dos votos da bancada garotista na Câmara para aprovar as contas de seu desgoverno, mas e Garotinho, o que ganharia de um inexpressivo e politicamente morto como Mocaiber? A unanimidade?

Rita Lee, Gil e Zeca Pagodinho no verão de SJB

Até agora, dos shows divulgados para as praias da região neste verão, os melhores vão ser em São João da Barra, Veja a programação aqui no Ururau.

Encontro de blogueiros amanhã

É amanhã, dia 23, a partir das 22h, no Don Tutti, o segundo encontro dos blogueiros, junto com a tradicional noite do vinil.

Troféu "óleo de peroba"

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

E isso, é transparência?


Transparência é isso!!!!






O quadro acima (clique na imagem para ampliar) foi copiado do Portal da Transparência do Governo Federal (aqui) e mostra que, de janeiro a outubro deste ano, foram repassados aos cofres da Prefeitura de Campos R$ 691.853.577,90. O portal é tão transparente que é possível ter acesso aos nomes e CPF´s dos beneficiários do Bolsa-Familia em Campos. Foram R$ 16.595.777,90, que é, de longe, o principal programa social no município. 

 

Telhado de vidro

Do site da Justiça Federal

Operação Telhado de Vidro: ex-prefeito de Campos é ouvido em 
audiência           
                    
10/12/2009

O juiz da 1ª Vara Federal de Campos, Fabrício Antonio Soares, deu 
início, nesta quinta-feira, à audiência de instrução e julgamento 
referente ao processo em que é réu Alexandre Marcos Mocaiber Cardoso, 
ex-prefeito de Campos.

Durante o interrogatório, foram ouvidas, além do réu, as testemunhas de 
defesa, Marcos Vieira Bacelar, ex-presidente da Câmara de Vereadores, e 
Mônica de Souza Gomes, ex-diretora da Controladoria do Município de Campos.

O processo é um desdobramento da operação Telhado de Vidro, que 
investiga o uso indevido de verbas públicas. A continuação da audiência 
foi marcada para o dia 10 de fevereiro de 2010, às 15h.

Processo: 200951030012716

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Mais um para a lista da "terra do já teve"

 

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

MANIFESTO DE ENCERRAMENTO DO MOVIMENTO VIVA MONITOR

De modo grosseiro e injustificável, o diretor presidente do condomínio empresarial Diários Associados no Rio, Maurício Dinepi, não respondeu às insistentes tentativas de contato que empreendeu o Movimento Viva Monitor entre os dias 4 e 10 de dezembro, por meio de ligações telefônicas e e-mail, com o objetivo de obter uma prorrogação no exíguo prazo estabelecido pelo empresário para que os ex-funcionários e simpatizantes do jornal levantassem os R$ 250 mil fixados para a venda da marca “Monitor Campista”.

Se, por um lado, tal comportamento provoca estranhamento, em virtude de ter o mesmo Dinepi recebido, por duas vezes, uma comissão do Movimento Viva Monitor, por outro evidencia a truculência de quem fechou um jornal quase bicentenário sem demonstrar o mínimo respeito aos funcionários, assinantes e demais leitores, mediante publicação de uma nota lacônica no dia 15 de novembro, na última edição do veículo.

Este mesmo desrespeito manifesta ainda Maurício Dinepi ao se preparar, agora, para retirar da cidade todo o acervo do Monitor Campista, que encontra-se embalado para transporte na antiga sede do jornal, na rua João Pessoa. Mais este crime será cometido contra a memória histórica de Campos dos Goytacazes se a sociedade conservar a passividade que tem demonstrado em relação ao fim do jornal.

Em razão desta impossibilidade de avanços na negociação com os, infelizmente, proprietários da marca “Monitor Campista”, o Movimento Viva Monitor torna público o encerramento da campanha de arrecadação de recursos que realizou a partir de 28 de novembro, dia seguinte ao que fora estabelecido o valor de compra por Dinepi.

Foram apenas cinco dias úteis para que o Movimento buscasse levantar R$ 250 mil. Um prazo certamente fixado para que tal intento não fosse atingido. Mesmo assim a campanha não recuou, e foram feitas todas as tentativas que estiveram ao alcance dos poucos participantes do movimento. E, como ocorreu com o Trianon, todas as pessoas influentes da sociedade campista não poderão dizer que não sabiam o que estava ocorrendo e, ainda, que não tiveram a chance concreta de reverter a situação.

O Movimento Viva Monitor se orgulha, ao menos, de não ter deixado o Monitor Campista morrer sem que nenhuma voz de protesto se levantasse. Iniciado pela Associação de Imprensa Campista, foi ele quem catalisou toda a restante capacidade de indignação local contra mais esta perda.

Esta voz foi ouvida e registrada em todas as matérias jornalísticas que trataram do fim do Monitor Campista, em veículos locais e nacionais, e se credenciou como interlocutora nas tentativas de criar formas que permitissem o renascimento do jornal. Foram realizadas duas manifestações públicas, várias reuniões na AIC, lançado um abaixo-assinado online que ultrapassou mil adesões, um blog, duas reuniões com os Diários Associados, uma reunião com a Prefeitura de Campos, e diversos contatos com empresários e entidades como CDL, ACIC e Carjopa, além de sindicatos e clubes de serviço, no sentido de buscar a sensibilização para a causa e, na etapa final, a efetiva contribuição financeira para a aquisição da marca “Monitor Campista”.

Tudo isso não pareceu suficiente para vencer interesses até hoje não claramente identificados, com os quais parece estar mais afinado o senhor Maurício Dinepi.

E para que o Movimento Viva Monitor não seja confundido com nenhuma outra eventual forma de reabertura do jornal, que não passe pelo modo transparente como defende e com a manutenção da sua qualidade editorial, os seus integrantes, reunidos hoje, decidiram por encerrá-lo formalmente.

Todos os recursos doados para a Campanha Viva Monitor, que foram depositados na conta bancária da Associação de Imprensa Campista, serão rigorosamente devolvidos. Eles foram registrados, nomes e valores, no blog do movimento.

A todos os doadores e participantes, àqueles que não puderam estar presentes às reuniões mas mantiveram-se na torcida, aos inúmeros leitores do jornal que enviaram mensagens e comentários no blog da campanha, o Movimento Viva Monitor agradece de modo sincero e emocionado.

O assassinato do Monitor Campista entra, agora, para a galeria de crimes célebres de Campos. Ainda que ele venha a ressurgir, o fará de modo farsesco, como também ocorreu com o Teatro Trianon, uma vez que não há a menor segurança de que possíveis compradores do mundo político ou empresarial venham a manter o jornal com a mesma postura de independência e qualidade com a qual sua redação o mantinha até o dia 15 de novembro. Será, se ocorrer, como uma segunda morte do “velho órgão”, e com isso não compactuarão o Movimento Viva Monitor e a Associação de Imprensa Campista.

Campos dos Goytacazes, 10 de dezembro de 2009
Movimento Viva Monitor

domingo, 6 de dezembro de 2009

Privilégios 2

E a Procuradoria Geral do Município também tem duas vagas exclusivas para estacionamento no mesmo trecho da Beira-Valão, entre Formosa e Saldanha Marinho. O detalhe é que a Procuradoria está localizada a mais de 2 km dali, no Centro Administrativo José Alves de Azevedo (antigo Cesec).

Privilégios 1


Vejam que exagero: O Procon ganhou 10 (DEZ) vagas exclusivas para estacionamento na Beira-Valão, bem em frente à sede do órgão.

Privilégios


A Emut reservou seis vagas exclusivas para o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) na Beira-Valão. Isso porque a Justiça do Trabalho foi transferida para os altos da Caixa Econômica Federal, perto dali, na Rua Formosa.

Nível do Paraíba passa dos 9 metros




Nas últimas horas o nível do Rio Paraíba do Sul, na área urbana de Campos, vem subindo. Agora há pouco, por volta das 13h30, a régua de medição localizada ao lado da Ponte Barcelos Martins, em Guarus, marcava 9m10cm.

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Cidac contrata empresa de Internet por R$ 708 mil

Tá no Blog do Cléber Tinoco: O Centro de Informações e Dados de Campos (Cidac), empresa da Prefeitura de Campos, homologou licitação para contratar empresa para fornecimento de link para Internet, por R$ 708 mil. Não há, ainda, informações sobre o prazo do contrato e que tipo de serviço específico a empresa contratada (Ver TV Comunicações S/A) vai prestar, por isso não há como considerar que o preço é caro ou barato. Se por para disponibilizar internet banda larga para todo o município e de graça, talvez até seja um bom negócio. Mas, se não for...
Pesquisando no Google, descobre-se que empresa Ver TV Comunicações S/A tem escritório da Praça São Salvador, 41 conjunto 1208. Confira aqui

Campanha Viva Monitor

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Que pressa, hein?

Aliás, sobre a nota abaixo, é bom explicar que os três auxiliares da prefeita deixaram os cargos porque são pré-candidatos nas eleições de 2010. Henriques quer ser deputado estadual,e enquanto Feijó e Loureiro sonham com a Câmara Federal. Todos pelo PR do chefe Garotinho.
O detalhe é que, pela legislação eleitoral, eles teriam até abril de 2010 (daqui a cinco meses) para ficar em seus cargos. Por que será que pediram exoneração com tanta antecedência?

Batista na Secretaria de Governo

O ex-vereador Edson Batista é o novo secretário Municipal de Governo, em substituição a Roberto Henriques, que deixou o cargo na última sexta-feira.
Batista é o primeiro suplente do PMDB na Câmara Municipal e, em janeiro, foi nomeado pela prefeita Rosinha Garotinho para ser coordenador de Desenvolvimento Humano, mas pouco ou nada foi divulgado desta função. Agora, segundo nota da Secom/PMCG vai acumular os cargos.
Os outros dois secretários que deixaram seus cargos na semana passada foram David Loureiro (Obras) e Paulo Feijó (Meio Ambiente) foram substituídos por Cesar Romero e Humberto Nobre, respectivamente.

domingo, 29 de novembro de 2009

OAB-DF vai pedir o impeachment de Arruda

Está pronto o pedido de impeachment do governador José Roberto Arruda, que será feito pela OAB (Ordem dos Advogados Brasil), seção DF. Nesta segunda-feira, a OAB nacional decide se adere à decisão da Ordem do Distrito Federal e também assina o pedido de impeachment.
Confira aqui no site da Band.

LLX tem vaga para assessoria de imprensa em SJB

O recado veio por email da Bárbara Bertolin, assessora de imprensa da LLX:



Gente, estamos com uma vaga aberta para assessor de imprensa em São João da Barra.
Se conhecerem alguém que se interesse, por favor, peçam que façam a inscrição no site da LLX.
O caminho é: www.llx.com.br / Portal do Candidato / Conheça nossas vagas / Analista de Imprensa Pleno
Obrigada.
Abraço,

Bárbara Bortolin
Assessoria de Imprensa LLX
Praia do Flamengo, 66 - 13º andar - Rio de Janeiro/RJ
Fone: (21) 2555.5675 / (21) 8141.9143

"Torpe vilania"

Em nota oficial divulgada agora à noite, o governador do DF, José Roberto Arruda e o vice, Paulo Octavio, atribuem as denúncias contra os dois como uma "torpe vilania de que fomos vítimas por parte de alguém que, até recentemente, se mostrava um colaborador, vimos externar à população do Distrito Federal nossa indignação pela trama de que estamos sendo vítimas"...
Confira aqui no G1 a matéria e a defesa de Arruda.

O mensalão do DEM

O governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (DEM, o ex-PFL) dificilmente vai escapar da cassação. Foi flagrado nas várias gravações feitas por um assessor (com autorização da Justiça) em situações de recebimento e comando de um esquema de propinas. O esquemão, já apelidado de "mensalão do DEM" envolveria diversos deputados distritais, os deputados "estaduais" de Brasília.
Depois do mensalão mineiro, do mensalão do PT é a vez de cair a máscara do pessoal do antigo PFL.
Só para não esquecer, Arruda já foi obrigado a renunciar do mandato quando era senador e foi envolvido (junto com o então senador Antônio Carlos Magalhães) no escândalo de violação do painel de votação do Senado. Arruda era do PSDB.


Viva Monitor - Campanha na rua

Ex-funcionários e simpatizantes do Monitor Campista estão fazendo uma campanha para levantar R$ 250 mil em doações para comprar o título, que pertence aos Diários Associados, e botar o jornal na rua de novo.
Informações no blog Viva Monitor.

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

A luta continua

Uma nova reunião dos integrantes do Movimento Viva Monitor está marcada para a amanhã, 26, às 10h, na AIC.

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Canellas na Uenf


Terminou agora há pouco, no Centro de Convenções da Uenf, a palestra do jornalista Marcelo Canellas, que foi uma espécie de pré-simpósio do evento Nacional de Jornalismo Científico que será realizado na Universidade nos dias 25 e 26 deste mês. Marcelo, que é repórter especial da Rede Globo, foi saudado pelo reitor Almy Júnior (foto), é vencedor de diversos prêmios nacionais e internacionais por suas reportagens sobre direitos humanos.
Outras informações sobre o Primeiro Simpósio Nacional de Jornalismo Científico, aqui.

Viva Monitor


Do Blog Viva Monitor



O Movimento Viva Monitor decidiu hoje, em reunião na Associação de Imprensa Campista (AIC), fundar a Associação Viva Monitor, para dar formato jurídico ao grupo que fará aos Diários Associados uma proposta de compra do jornal Monitor Campista. A assembleia de fundação está marcada para a próxima terça-feira, 24, às 10h, na AIC.

O objetivo é manter o mesmo grupo de funcionários e colaboradores à frente do jornal, garantindo, além da continuidade da marca, a prática de um jornalismo independente e de qualidade.

Durante reunião com o diretor presidente dos Diários Associados no Rio, Maurício Dinepi, a empresa se mostrou sensível à ideia de que o jornal Monitor Campista passe a ser propriedade dos seus funcionários.

A reunião de hoje formou ainda uma comissão que estará à frente das negociações com os Diários Associados, formada pelos seguintes integrantes do Movimento Viva Monitor: Cilênio Tavares (editor), Luiz Carlos (diagramador), Paulo Thomaz, Vitor Menezes, Graciete Santana, Sandra Vianna, Leonardo Vasconcellos, Cileno Martinho e Luciano Azevedo.
Postado por Vitor Menezes às 14:00

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Rosinha vira "arma" da Record na briga contra a Globo

Numa reportagem de quase 10 minutos, que foi ao ar no programa Domingo Espetacular, no último domingo, a Rede Record mostrou a então governadora Rosinha Garotinho denunciando a Globo. A partir dos 6min e 38 seg da reportagem, Rosinha aparece fazendo um pronunciamento no plenário da Assembleia Legislativa do Estado e diz que a Globo teria uma conta secreta no exterior e mais: dá o número da conta, país, nome do banco e valor. Veja abaixo a reportagem na íntegra:




Observatório da Imprensa também repercute fechamento do Monitor

Veja aqui
aqui
aqui

Portal Comunique-se acompanha caso do Monitor


Monitor Campista: acionistas
assembleia para falar do fim do jornal

Da Redação



A assembleia de acionistas que definiria o encerramento das atividades do jornal Monitor Campista, terceiro veículo mais antigo do País, foi adiada. A decisão foi tomada após reunião da Comissão Viva Monitor com o presidente do Grupo Diários Associados no Rio de Janeiro, Maurício Dinepi, na última terça-feira (17/11).

A reunião dos acionistas estava marcada para o próximo dia 23/11. Agora os membros da Comissão terão até 04/12 para formalizar uma proposta com o objetivo de dar continuidade ao jornal. As atividades do veículo, de Campos dos Goytacazes (RJ) foram encerradas no último domingo (15/11).

As expectativas dos membros da Associação de Imprensa Campista, que criaram o movimento, são positivas. “Amanhã vamos nos reunir para discutir algumas propostas. Algumas das ideias são formar uma cooperativa ou criar a fundação Monitor. Essas propostas estão bem encaminhadas para a volta do jornal”, afirmou Vitor Menezes, vice-presidente da AIC.

Menezes ressaltou que a proposta acolhida será aquela que priorize a independência editorial. O representante da AIC também disse que existe uma boa receptividade da sociedade e entidades à causa.

Segundo informou os Diários Associados, o jornal, com 175 anos de existência, foi fechado por acumular prejuízos, causados pelo fim da publicação do Diário Oficial nas edições do Monitor, responsável por 50% da renda do veículo.

terça-feira, 17 de novembro de 2009

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Diários Associados abrem jornal em Minas e fecham o Monitor

Na mesma semana em que decidiu pela descontinuidade do Monitor Campista, o grupo Diários Associados lançaram o Aqui Betim, diário que chega ao município para cobrir notícias da cidade, política, cultura, segurança, entre outros assuntos. O lançamento aconteceu na última quinta-feira (12/11).
O novo jornal reúne colunistas como Eduardo Costa, Antônio Roberto, Nelson Rubens, Son Salvador e a turma da Bancada Democrática do Alterosa Esporte, que também escrevem para o Aqui BH.

Do Comunique-se

Sugestão de pauta

Aos representantes das entidades que lutam por melhorias nas estradas federais da região (BR-356 e BR-101):
O ministro das Transportes, Alfredo Nascimento, é a grande estrela do PR (Partido da República) no governo Lula. O homem tem tanto poder, que, segundo o jornalista Ilimar Franco, no Globo de ontem, vai indicar o sucessor no cargo assim que se desincompatibilizar para disputar o governo do Estado do Amazonas.
E, para quem ainda não ligou o nome à pessoa, o PR é o partido cujo dono no Estado do Rio é o ex-governador Garotinho. Em Campos, o partido é presidido pelo filho de Garotinho.

Rosinha vai amanhã aos Diários Associados

O secretário de Comunicação de Comunicação,da Prefeitura de Campos, Mauro Silva, acaba de informar que a prefeita Rosinha Garotinho marcou para amanhã, às 16h, um encontro com o presidente do Monitor Campista, Maurício Dinep, para conversar sobre o fechamento do jornal.
A ideia, levada ao secretário por uma comissão do Viva Monitor, hoje à tarde, foi para a prefeita solicitar o adiamento da assembléia geral da empresa marcada para a próxima segunda-feira, na qual seria sacramentado o fechamento do jornal.
Está confirmado, também, para às 10 h desta terça-feira, no Largo da Imprensa, um ato público em defesa do Monitor.

Rosinha vai cobrar explicações dos Associados


Integrantes do Movimento Viva Monitor estiveram reunidos há pouco com os secretários municipais Mauro Silva (Comunicação) e Orávio de Campos Soares (Cultura) para discutir a situação do Monitor Campista, que encerrou suas atividades ontem. Os representantes do governo se comprometeram a construir junto com a sociedade uma saída para o Monitor, e negaram a existência de qualquer entendimento prévio entre a Prefeitura de Campos e os Diários Associados.

O Secretário Mauro Silva afirmou que a prefeita Rosinha Garotinho manterá contato com a direção dos Diários Associados, no Rio, para registrar a insatisfação dos campistas em relação ao fechamento do jornal e marcar uma reunião para ver como o problema pode ser solucionado.

Silva também considerou viável a criação de uma cooperativa dos funcionários do jornal, que poderiam adquirir o veículo com financiamento do Fundecam. Outra ideia é a criação da Fundação Monitor Campista. Antes, no entanto, é preciso saber o que os Diários Associados têm a dizer sobre o fechamento.

Os secretários afirmaram ainda que participarão, amanhã, às 10h, do Ato Público no Largo da Imprensa (Calçadão), convocado pelo Movimento Viva Monitor.  Do Blog Viva Monitor

(Fotos Juarez Fernandes e Wellinton Cordeiro) 

Secretário de Rosinha vai receber comissão do movimento Viva Monitor

O secretário de Comunicação Social da Prefeitura de Campos, Mauro Silva, vai receber, daqui a pouco, uma comissão do movimento Viva Monitor.
Mais informações no Blog Viva Monitor.

domingo, 15 de novembro de 2009

Última capa


Ato público em defesa do Monitor na terça

Na próxima terça-feira, às 10h, no Largo da Imprensa, em frente ao busto do fundador dos Diários Associados, Assis Chateaubriand, haverá um ato público em defesa do Monitor Campista.

Informações e repercussões sobre o fechamento do Monitor Campista  no Blog Viva Monitor

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Fechamento do Monitor repercute no Comunique-se

Com 175 anos, Monitor Campista será fechado

Izabela Vasconcelos, de São Paulo


A primeira redação da América do Sul a contar com
luz elétrica, que dos 200 anos da imprensa brasileira,
fez parte de 175, tem data e hora para encerrar suas
atividades. O Monitor Campista, de Campos dos
Goytacazes - RJ, terceiro jornal mais antigo do Brasil,
será fechado no próximo domingo (15/11).
Os Diários Associados anunciaram o fechamento do
veículo, fundado em 04/01/1834, em carta enviada
aos funcionários. Segundo jornalistas do Monitor
Campista, a alegação da empresa é que o jornal
tinha mais despesas que receitas, o que impossibilita
a continuidade do negócio. A notícia veio logo depois que a prefeitura da cidade deixou de publicar o Diário
Oficial nas edições do jornal, o que já acontecia
há 100 anos.
Apesar dos argumentos da empresa, os profissionais
discordam que esse seja o motivo do fechamento do jornal. "Sempre falaram de crise, mas nunca tivemos problemas com nossos salários, e comercialmente o jornal ia bem, crescendo
a carteira de publicidade”, rebateu Jane Nunes
, editora do veículo, que disse que muitos contratos terão que ser cancelados a partir de agora.
Movimento “Viva Monitor”
O fechamento do jornal mobilizou os jornalista
s e a comunidade, que organizam manifestações contra a medida. Nesta sexta-feira (13/11) mais de 100 pessoas
protestaram em frente ao prédio do veículo. A
Associação Imprensa Campista (AIC) emitiu uma carta pública aos Diários Associados e fez um abaixo-assinado
online contra o fim do jornal. Além disso, leitores e amigos do veículo lançaram o movimento Viva Monitor, que pretende aquecer as manifestações a favor do jornal.
A AIC promete mais movimentos. “Amanhã vamos
organizar uma reunião para tentar resolver essa questão, que é um problema muito grave, não se pode matar essa memória cultural”, declarou Orávio de Campos Soares, presidente
da AIC. O dirigente também disse que convidou os Diários Associados para participar da reunião, mas ainda não houve confirmação por parte da empresa.
Segundo uma fonte do jornal, as negociações que
envolvem o fechamento do principal veículo da
cidade são um mistério. “Alguma coisa muito nebulosa aconteceu, é muito estranho tudo isso”.
Na segunda-feira (16/11), os 45 funcionários
do jornal terão que apresentar suas carteiras profissionais à empresa, já que as atividades encerram no próximo
domingo. “Sabemos que será a última edição. Estamos
trabalhando nela, mas é como assassinar um filho para nós”, desabafou Jane.
A editora do Monitor Campista contou que o clima
na redação é de muito baixo astral, mas existe uma resistência para que o jornal não morra.”Pretendemos fazer uma cooperativa para manter o Monitor. Todos estão com muita garra e determinação para levar o jornal em frente”, disse.

Procurada pelo Comunique-se, a direção dos Diários
Associados não se manifestou até o fechamento desta matéria.


13/11/2009

Aos aparentemente vencedores...

"Ninguém cospe para cima sem que lhe caia na cara"

Monitor no Extra


Pudim no Blog do Noblat

O deputado Geraldo Pudim (PR),quem diria, acabou sendo notícia num dos Blogs mais lidos e respeitados do país, o do Ricardo Noblat. Veja aqui.

Marcelo Canellas



Dono de um dos melhores textos do telejornalismo brasileiro, o jornalista Marcelo Canellas, da Rede Globo, vai falar na próxima quinta-feira, dia 19, às 16h, no Centro de Convenções da Uenf. A palestra é uma prévia do Simpósio de Jornalismo Científico que será realizado na Universidade nos dias 25 e 26.

Do craque Walter Júnior


Charge emprestada do blog do Walter Jr

Olho vivo

Das três avaliações feitas da sede do Monitor Campista, a melhor delas aponta que o prédio de dois andares onde funciona o jornal (Rua João Pessoa, 202) vale cerca de R$ 900 mil reais.
Qualquer conversa acima dessa patamar merece atenção.

Cláudio Zoli no Sesi


O circuito cultural do Sesi apresenta na próxima quinta-feira, dia 19, às 20h, o cantor Cláudio Zoli.
O ingresso custa R$ 15,00  e a meia entrada R$ 7,50. A limitação do auditório é para 200 pessoas.

Carla e Beto na Itália

Os prefeitos de São Francisco de Itabapoana, Beto Azevedo e Carla Machado, de São João da Barra,embarcam amanhã para a Itália onde ficam até o dia 20. Eles integram uma comitiva do programa Lidera Rio, do Sebrae.

Monitor Campista


Terminou agora há pouco a manifestação de diversos setores da comunidade em defesa do Monitor Campista, que vai às bancas pela última vez no domingo. Participaram dezenas de pessoas que, por unanimidade, condenaram a decisão da direção dos Diários Associados de suspender a publicação do jornal a partir de segunda-feira. A manifestação fechou a Rua João Pessoa, em frente ao jornal, por mais de uma hora.
Apesar de sua importância histórica — 175 anos de existência —, nenhum, repito, nenhum integrante do governo Rosinha Garotinho compareceu ao ato, nem mesmo os que frequentavam regularmente a Redação do jornal em busca de espaço.

Mais fotos da manifestação no Blog Viva Monitor

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Pobre cidade rica

O encerramento das atividades do Monitor Campista — a última edição deve ir às bancas nos próximos dias, depois de 175 anos — não surpreende numa cidade que despreza sua história como se dela tivesse vergonha. Vergonha de um passado construído com base na exploração da miséria e boa-fé de um povo outrora pioneiro e guerreiro.
Nada mais previsível para uma cidade que derrubou o Trianon — um dos mais belos teatros do Brasil — e pôs abaixo o Cine Don Marcelo e o Coliseu. O que esperar de uma gente que entrega aos cupins os belíssimos solares dos Ayrises e Visconde de Araruama, a Lira de Apollo e o Hotel Amazonas, apenas para citar alguns?
O fechamento do Monitor Campista está cercado de nebulosas transações e só o tempo poderá clarear uma eventual negociata urdida nas promíscuas relações público-privadas. Oficialmente o jornal está deixando de circular porque suas despesas superam as receitas, estas últimas combalidas com a retirada do Diário Oficial da Municipalidade após um século de publicação. Se houve insensibilidade dos atores envolvidos no processo que resultou neste desfecho, ou desinteresse dos donos do jornal (Diários Associados) em garantir o funcionamento a despeito dos prejuízos, são temas que não discuto. O que me move é a indignação com a passividade e conivência de uma cidade que caminha para o abismo. E se sabe disso, pouco se importa.
Fecha o Monitor Campista porque governantes, empresários, representantes classistas, enfim, a sociedade optou por prescindir de uma mais voz, de mais um canal de expressão. Essa gente, que se convencionou chamar de “elite campista” é herdeira dos barões do café e do açúcar, aqueles que exploravam as riquezas e as gentes da planície para gozar dos prazeres da antiga capital do Império ou da Europa. Nada de novo sob o sol. A elite remoçada substituiu a carruagem pelas caminhonetes cabines duplas e outros carros importados. Sofisticaram a exploração mas, pouco criativos, gozam, dos prazeres nas mesmas plagas, além da paradisíaca Búzios, enquanto continuam exaurindo as riquezas e as gentes que sustentam suas futilidades. Aliás, não é à toa que é nas colunas sociais abundantes que se sentem “importantes” de verdade.
Fechar um jornal é mais do que calar uma voz ou um canal de expressão — por menos expressivo que ele possa parecer —, porque reduz as opções de diversidade de informações, opiniões, visões de mundo. Isso é mais grave numa cidade bipolarizada e onde as principais forças de mídia representam segmentos políticos distintos, mas são antagônicos apenas nos interesses de ocasião.
É um momento grave para a democracia. Sem exagero, o fechamento do Monitor Campista não representa apenas o desemprego de 45 profissionais. É mais que isso: sinaliza que a sociedade está se lixando para a coletividade e que cada um mira o próprio umbigo como se fosse o centro do mundo, sem nenhuma responsabilidade com os graves e antigos problemas sociais da comunidade. Fingem não perceber que corremos o risco de virar reféns permanentes das quadrilhas que se revezam na tarefa criminosa de privatizar os bens públicos para repartí-los entre aliados recrutados nos mais diferentes setores que dirigem a cidade.
Campos fica mais pobre na mesma proporção em que a minoria de sua elite enriquece materialmente e talvez até por isso mesmo. Muito dinheiro aumenta a tentação desde os primórdios tempos e poucos, muito poucos à ela resistem. Mas é cômodo culpar apenas os grupos políticos siameses e momentaneamente em campos opostos. Eles são fruto do meio, são o resultado da química maldita de uma sociedade que fecha jornais, teatros, cinemas e renega a própria história por um inconfessável complexo de culpa. E quanto mais se esconde, mas afunda no massapê dos canaviais também em extinção.
Uma sociedade que fecha jornais é como aquela que começa queimando livros e acaba levando pessoas às fogueiras.
Atualização às 18h12 para correção de erros ortográficos encontrados até o momento.

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Mudou

A prefeita de São João da Barra, Carla Machado (PMDB), já não esconde mais seu distanciamento do antigo aconchego garotista. Hoje ela acompanhou Ilsan Viana na cerimômia de diplomação na 100ª Zona Eleitoral e na frustrada tentativa de posse na Câmara Municipal.



No Rio

Desde ontem a prefeita Rosinha Garotinho está sendo representada em atos oficiais pelo secretário de Governo, Roberto Henriques ou pelo vice-prefeito Chicão Oliveira. A prefeita está no Rio de Janeiro.

Quem tem medo de Ilsan Vianna?

Os aliados da prefeita Rosinha (leia-se ex-governador Garotinho) estão movendo mundos e muitos fundos para evitar a posse de Ilsan Vianna, eleita vereadora com mais de 7 mil votos, diplomada pela Justiça Eleitoral e impedida de tomar posse na Câmara Municipal por uma medida cautelar muita estranha e de última hora.
Isso lembra o que Carlos Lacerda dizia sobre a candidatura de Getúlio Vargas, em 1950:
"Getúlio não pode ser candidato, se for não pode vencer. Se vencer não pode tomar posse e se tomar posse não pode governar".

Posse adiada

Foto: Silvana Rust


A Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal acaba de divulgar nota informando que recebeu intimação do judiciário eleitoral sentido de que a posse seria "sobrestada até ulterior determinação do juízo, tendo em vista análise quanto a apreciação do pedido de antecipação de tutela requerido nos autos da Ação de Impugnação de Mandato eletivo ingressado pelo Ministério Público Eleitoral".




A nota, na íntegra:

NOTA DE IMPRENSA

O Presidente da Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes, tomando conhecimento da diplomação da candidata Ilsan Vianna como vereadora eleita, determinou que chegando a Câmara a comunicação do juízo, de imediato fosse processado na forma legal e designada a posse para a primeira sessão plenária, que ocorreria na terça-feira, dia 17/11/2009, as 16:00 horas. No entanto, a intimação do judiciário eleitoral foi no sentido de que a posse seria sobrestada até ulterior determinação do juízo, tendo em vista análise quanto a apreciação do pedido de antecipação de tutela requerido nos autos da Ação de Impugnação de Mandato eletivo ingressado pelo Ministério Público Eleitoral.
Tendo em vista que decisão judicial não se discute, cumpre-se, foi determinado pela Presidência do Legislativo que a posse da candidata ficasse sobrestada até que outra decisão judicial, a ratificasse ou modificasse.

Assessoria de Comunicação

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Nota de falecimento

Morreu no final da tarde de hoje D. Eni Vieira, mãe das professores Beth Araújo e Marilda Vieira de Azevedo.
O corpo está sendo velado no Campo da Paz e o sepultamento será amanhã no Cemitério do Caju.

Mais caixa 1

E São João da Barra vai abocanhar, amanhã, mais R$ 26.762.563,96 de Participação Especial da ANP e já acumula, de janeiro a novembro R$ 144 milhões.
Enquanto isso, falta o município continua sem um hospital.

Mais caixa

A Prefeitura de Campos vai receber amanhã mais R$ 134.694.575,51 referentes à Participação Especial pela produção de óleo e gás nos poços de alta rentabilidade na Bacia de Campos. A produção é referente ao terceiro trimestre de 2009.
Este ano o total de repasses é de aproximadamente R$ 765 milhões, sendo R$ 340 milhões de royalties mensais e R$ 425 milhões de Participação Especial.
Para este ano estão previstos mais dois repasses(20/11 e 20/12) de aproximadamente R$ 50 milhões cada. E, com isso, a prefeitura fecharia o ano com cerca de R$ 900 milhões, ou seja, menos R$ 300 milhões que Mocaiber teve em 2008.

Câmara

Pauta da sessão de hoje na Câmara Municipal de Campos. aqui.

Suplente quer vaga de Rita Camata


Do TSE

Marcelino Ayub Fraga, eleito suplente de deputado federal no Espírito Santo pelo PMDB em 2006, recorreu ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pedindo a decretação da perda do cargo da deputada Rita Camata por infidelidade partidária. O processo está sob relatoria do ministro Marcelo Ribeiro
De acordo com o suplente, no último 30 de setembro, a deputada teria comunicado a sua saída do PMDB, partido pelo qual ela e o suplente foram eleitos, sem apresentar justa causa para abandonar a legenda. O suplente informa ainda que a deputada já teria se filiado ao PSDB.
O suplente alega que tem legitimidade para pedir a perda do cargo, pois o PMDB não questionou a saída da parlamentar dentro do prazo estipulado pela resolução 22.610/07, do TSE, que é de 30 dias após a desfiliação.
A resolução 22.610/07 disciplina que o partido político pode pedir a decretação da perda de cargo eletivo em decorrência de desfiliação partidária sem justa causa. Caso o partido não formule o pedido dentro de 30 dias após a desfiliação, o Ministério Público ou quem tenha interesse jurídico pode pedir a decretação da perda do mandato.

Cabral já está em casa



Para alegria de seus amigos, entre os quais me incluo, o jornalista Moacir Cabral, está convalescendo, em sua casa, em Cabo Frio, depois de quase 15 dias na UTI por conta de problemas cardíacos. Fidelense de nascimento, Cabral atuou em vários jornais de Campos e atualmente é o diretor-presidente da Folha dos Lagos, jornal que fundou em Cabo Frio.
Um abraço e saúde!

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Estamos no século XVII?

A Usina Coagro (antiga São José) foi flagrada por uma equipe de fiscalização móvel conjunta do Ministério Público do Trabalho (MPT), Ministério do Trabalho e Polícia Rodoviária Federal por manter 38 trabalhadores rurais. A fiscalização ocorreu na última semana de outubro quando duas frentes de corte de cana foram interditados. Foram emitidos 26 autos de infração e a Coagro foi obrigada a pagar cerca de R$ 260 mil na última quarta-feira e assinar a carteira dos trabalhadores.
Entre os trabalhadores no corte de cana estava uma menor grávida de três meses.
E o que o poeta Kapi diz em um de seus poemas; "Usina é usura".

A matéria completa pode ser lida aqui no site do Ministério Público do Trabalho.

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Diplomação definida, posse não

O Cartório da 100ª Zona Eleitoral confirmou agora há pouco que o juiz Leonardo Grandmasson indeferiu, ontem, o recurso impetrado por Ederval Venâncio contra a diplomação de Ilsan Viana. Como foi o único recurso, a Justiça já marcou a diplomação da nova vereadora pelo PDT para às 13h do próximo dia 11, no próprio Cartório.
Como já disse e reiterou o presidente da Câmara, Nelson Nahim, basta Ilsan comparecer com o diploma para assumir a vaga que, ainda é, de Ederval Venâncio. No entanto, Ilsan prepara uma grande festa e vai anunciar a data da posse (fala-se no dia 17) durante uma entrevista coletiva na próxima segunda-feira.

Atualização para correção após "puxão de orelhas" de um comentarista, a quem agradeço.

Joel Melo fala segunda-feira na ACL

Do mestre Vilmar Rangel:


Em sua reta final, o curso "Repensando Campos - relendo e reescrevendo sua história", desenvolvido pela Academia Campista de Letras, focalizará nesta segunda-feira, dia 9, episódios marcantes da literatura campista, com foco em movimentos que ecolidram a partir da segunda metade do século XX. O escritor, poeta, professor universitário, doutor em letras e ensaista Joel Mello, abordará quatro grandes momentos literários do município: a criação do Clube de Poesia, o Sintetismo Espacio-Temporal, o Centro Popular de Cultura e a nova linguagem explorada pelos jovens do Grupo Universo.
A aula tem por título "A vocação para a poesia escreve um novo modernismo em perfil singular". Sobre o conteúdo da aula, que considera como uma das mais importantes de todo o curso, o acadêmico Vilmar Rangel aponta Joel como o principal protagonista de todos esses movimentos. "O professor Joel Mello tem analisado todos os prismas e todas as nuances de cada uma dessas manifestações, inserindo-as (com sutileza e, simultaneamente, com rigorosa precisão) em seus verdadeiros contextos políticos e sociais.
É, portanto, a maior autoridade local e regional para evocar e consolidar a importância de todos esses fatos, que, aliás, são objeto de um amplo estudo seu, ora em fase de finalização, a ser publicado em 2010", destaca Vilmar.
A reunião desta segunda-feira na ACL, marcada para as 19h, com entrada franca, terá início com pronunciamento do acadêmico Renato Aquino sobre uma personalidade impar do ensino universitário campista, o mestre e também acadêmico Aldano Séllos de Barros. Sua fala dá prosseguimento à série "Perfís acadêmicos".
Outra atração da noite será o lançamento de mais um número da revista da Academia, que leva o registro de Ano VII, n° 1. A publicação tem 315 páginas e integra a programação comemorativa dos 70 anos de fundação da ACL. Considerada pela própria Academia Brasileira de Letras como uma das mais sérias e e bem produzidas publicações do gênero, a revista da ACL tem conteúdo diversificado e abriga produções não apenas dos acadêmicos, mas igualmente de outros valores da intelligenzia campista e regional.

Rodrigo Serra fala sobre royalties amanhã no IFF

A dica é do Cleber Tinoco:

Para fiscalizar é preciso entender, por isso não perca a oportunidade de aprender mais sobre os royalties do petróleo. Amanhã, dia 07.11.09, no IFF - Instituto Federal Fluminense, auditório Reginaldo Rangel, às 9:00 h, Rodrigo Valente Serra, Professor/Pesquisador do Mestrado em Engenharia Ambiental do IFF, ministrará aula sobre: Royalties do Petróleo: diferentes formas de distribuir e aplicar as rendas do petróleo. Pretende-se apresentar as formas alternativas de distribuir e aplicar os royalties do petróleo à luz dos projetos de lei que tramitam na Câmara e no Senado; Assim como, proporcionar o debate sobre experiências de controle social sobre distribuição e aplicação das rendas do petróleo no Brasil e no mundo.

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

InterTV de casa nova

A InterTv Planície inaugurou hoje sua nova sede em Campos, na Estrada do Contorno. O governador Sérgio Cabral, o presidente da Aler, Jorge Picciani e a prefeita Rosinha Garotinho participaram da solenidade. Aos colegas,bom trabalho na casa nova.

Dois ministros adiam visita a Campos

Na semana passada foi o ministro da Secretaria Extraordinária para Promoção da Igualdade Racial, Edson Santos, adiar visita a Campos por causa do mau tempo. Ele estava em Belo Horizonte, onde não havia teto para decolagem. E, ontem, foi a vez do ministro da Secretaria Especial dos Direitos Humanos, Paulo de Tarso Vannuchi, transferir sua viagem à cidade por causa de problemas técnicos no avião da FAB que o transportaria.
Vannuchi viria tratar do sério problema de denúncias de trabalho escravo na região.

Choro na Cantina

Mais uma opção na noite campista. A dica veio por e-mail do Daniel Bellieny:


Sarau na Medicina

Amanhã, a partir das 21h, a Faculdade de Medicina de Campos promove seu 3º Sarau, com a participação de alunos, professores, funcionários e convidados. O sarau, que acontece no pátio interno da FMC, integra a Semana Cultural Renato Moretto, que conta ainda com a 5ª Mostra de Cinema, com exibição de filmes sempre a partir das 18h, no anfiteatro da FMC e com a 2ª Exposição de Artes Plásticas.
Na Mostra de Cinema, o filme desta quinta-feira é Vick Cristina Barcelona, com direção de Wood Allen e na sexta, encerrando a programação, Muito Além do Jardim, de Hal Ashby.
Entrada franca.

Novo senador toma posse


O presidente do Senado, José Sarney, deu posse, agora há pouco, a Acir Gurgacz (PDT-RO), que assume o mandato de senador por Rondônia até fevereiro de 2015. O mandato vinha sendo exercido por Expedito Júnior (PSDB), candidato mais votado nas eleições de 2006, que foi cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral sob a acusação de compra de votos. Gurgacz toma posse na condição de segundo candidato mais votado no estado

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Ministro debate escravidão,amanhã, em Campos

A notícia é da turma gente-boa do site Ururau:
O Ministro da Secretaria Nacional dos Direitos Humanos, Paulo de Tarso Vannuchi, estará em Campos amanhã para uma reunião itinerante do Conselho Nacional de Erradicação do Trabalho escravo.

Agenda Cultural 6

E ainda hoje tem a Noite do Vinil, no Tutibone (Rua das Palmeiras).O tema de hoje é Soul Music.

Agenda Cultural 5


Amanhã também tem o talento de Lene Moraes na quadra dos Psicodélicos, a partir das 22h. O samba é da melhor qualidade.


Atualização às 20h21 - Lene Moraes não vai participar do evento desta quinta nos Psicodélicos, mas o samba está mantido.

Agenda Cultural 4

O ator Eri Johnson tem temporada sexta,sábado e domingo no Trianon com seu espetáculo "Eri pinta e Johnson borda", às 20h30 no Trianon.
Os ingressos custam R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia).

Agenda Cultural 3

Arte com poesia no Trianon.
Clique na imagem para ampliar.

Agenda Cultural 2

Amanhã, às 19h no Museu Olavo Cardoso, tem café literário em homenagem ao poeta Antônio Roberto Fernandes.
O museu fica na Rua Sete de Setembro esquina com Rua do Gás.

Agenda Cultural 1

Começa daqui a pouco,às 19h, no Sesc, a Mostra de Cinema Francês.
Clique na imagem para conferir a programação que vai até o dia 30.

Agenda Cultural

A programação cultural do Sesi continua em alto nível.
Nesta sexta-feira, dia 6, às tem apresentação do Quinteto Villa Lobos.
20h - Entrada Franca

Nota social

O deputado federal Arnaldo Vianna (PDT) completa 62 anos hoje.

Atualização às 20h22 - Arnaldo está em Brasilia e foi mostrado agora há pouco pela TV Câmara, que cobre, ao vivo, a sessão da Câmara Federal.

Alencar hoje no 3 a 1

O presidente da República em exercício, José Alencar, é o convidado de hoje do programa "3 a 1",que vai ao ar às 23h na TV Brasil. Alencar vai ser entrevistado pelos jornalistas Luiz Carlos Azevedo, Tereza Cruvinel e Helena Chagas.
No programa foi gravado pela manhã, Alencar voltou a defender a queda na taxa de juros ("tenho ojeriza a juros" e falou sobre sua luta de 12 anos contra o câncer.

(Foto:Wilson Dias/Abr)

Sessão da Câmara

Hoje tem sessão ordinária na Câmara Municipal. Veja aqui o expediente e a pauta. A sessão será transmitida,ao vivo, pelo canal 15 da ViaCabo (UniTV) a partir das 17h.

terça-feira, 3 de novembro de 2009

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Debaixo da ponte

O puxadinho que a prefeita Rosinha está fazendo debaixo da ponte que tem o nome dela vai custar a bagatela de R$ 440 mil reais. O local vai abrigar os comerciantes informais que hoje ocupam parte do início da Avenida Alberto Torres com venda de lanches rápidos e os que trabalham na Praca do Santíssimo Salvador e Calçadão.
Vai ser uma praça de alimentação literalmente debaixo da ponte.

"DEM" hoje na TV

O Democratas (DEM) exibe hoje seu programa partidário em cadeia nacional de rádio e TV. A propaganda, com duração de dez minutos, será transmitida às 20h no rádio e às 20h30 na televisão.
O foco dos ex-pelefistas vai ser em Sérgio Cabral, Lula e ainda vão criticar o movimento do governo pela volta da CPMF.

Limpeza

Os servidores das diversas secretarias que funcionam no antigo Cesec, incluindo o gabinete da prefeita Rosinha, foram dispensados mais cedo do trabalho nesta quinta-feira para trabalhos de detetização e desratização do prédio.
Com isso, foi antecipado em duas horas o feriadaço que só termima terça-feira de manhã, porque juntaram o feriado do Dia do Servidor Público com Finados.

Campos vai embolsar mais R$ 100 milhões

Segundo o Blog Urgente dos R$ 2 bilhões que o Estado do Rio vai receber por conta de um acordo com a Petrobras, R$ 100 milhões vão engordar os cofres da Prefeitura de Campos.

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Sessão da Câmara

A Câmara Municipal de Campos está realizando, neste momento, mais uma sessão ordinária com transmissão, ao vivo, pela Unitv (canal 15 da ViaCabo).
Confira a pauta aqui.

Retotalização confirmar saída de Ederval

A 100ª Zona Eleitoral de Campos confirmou hoje, após retotalizar os votos de todas os partidos e coligações que disputaram as eleições para a Câmara Municipal no ano passado, que Ederval Venâncio (PDT) é quem sai para dar a vaga a Ilsan Viana.
No entanto, começa amanhã a correr o prazo de três dias para apresentação de recursos contra a diplomação de Ilsan e, como é feriado na sexta-feira (servidor público) e segunda-feira Finados), o prazo só termina dia 3, terça-feira.

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Roberto Freire no Roda Viva

Roberto Freire, presidente nacional do PPS, é o convidado de hoje do programa Roda Viva, às 22h10 na TV Cultura e TV Brasil.

Maria Bethânia no Canecão - 23/10/2009

">

Samba no pé


O ex-prefeito Alexandre Mocaiber (ele mesmo!) esteve no Samba do Mercado na noite da última sexta-feira no Mercado Municipal de Campos. Disse e repetiu para quem quisesse ouvir que é candidatíssimo à Assembleia Legislativa nas eleições do ano que vem, pelo PSB.
Quer provar que tem voto para se eleger sem padrinho e que não é tão impopular como se pensa.
É esperar e contar os votos. Ou não.
Na foto, Mocaiber com Valmir Oliveira (é o canal!!!!!) um dos criadores do Samba no Mercado.

Tarde de autógrafos




Será hoje, às 14h30, na Biblioteca José do patrocínio, da Zumbi dos Palmares, a tarde de autógrafos do livro Carukango, de Hélvio Cordeiro. O livro resgata a história de um herói dos quilombos na lita contra a escravidão em Campos.

E os índios goitacá?

A Uenf realiza nesta terça-feira, 27/10, às 9h, no auditório da Casa Ecológica, mais uma Roda de Ciência. Desta vez, o tema será 'Que fim levaram os índios Goitacá?'. Os debatedores serão a professora Simonne Teixeira (Laboratório de Estudo do Espaço Antrópico da Uenf), o professor Aristides Soffiati (Universidade Federal Fluminense) e a historiadora Sylvia Paes (Museu Olavo Cardoso).

Junto com a plateia, os debatedores vão se debruçar sobre a seguinte questão: mesmo tendo sido exterminados, os índios Goitacá deixaram algum vestígio cultural ou genético na população atual?

Promovida pela Assessoria de Comunicação da Uenf, a Roda de Ciência é um debate informal que tem por objetivo promover maior aproximação entre a comunidade científica (principalmente os pesquisadores da Uenf) e a sociedade em geral. A entrada é aberta a toda a comunidade. Durante a Roda, os debatedores não apenas expõem brevemente seus pontos de vista sobre o tema, como também têm a oportunidade de trocar conhecimentos com o público. A entrada é aberta a toda a comunidade.

(Da Assessoria da Uenf)