quinta-feira, 11 de julho de 2013

INDIGÊNCIA CULTURAL

Adriano Moura (do Facebook aqui)


  • O que há em Campos é mais que perseguição a Nelson Rodrigues ou a qualquer outro tipo de arte. É estupidez mesmo; é gente burra, despreparada, insensível, cafona, ignorante que, por ser "amiguinho" de A ou B, é indicada para administrar setores aos quais desconhece. Gente incompetente demais para tomar a atitude correta. Gente "careta e covarde" que só sabe servir de mico de circo pra quem está no poder. Desde 1989 que a cidade vive nessa indigência, na dança das cadeiras dos poderes que insistem em permanecer na República do Chuvisco. Não adianta, caros senhores. Enquanto alimentarmos com nossos votos esses "zumbis" viveremos nessa indigência. A sorte deles é que estupidez não paga imposto. E se pagasse dariam um jeito de sonegar. Estou apenas no primeiro no Chopp.

2 comentários:

JUREMA disse...

"é gente burra, despreparada, insensível, cafona, ignorante"


Não se trata de burrice, despreparo, insensibilidade, cafonice ou ignorância. Trata-se de uma questão ideológica: alienar a população, não promover a arte como instrumento de libertação.

Jorge Lenira disse...

"Desde 1989 que a cidade vive nessa indigência"

Desde 1989?

Que isso?

Sempre foi assim!


A ARTA - Associação Regional de Teatro Amador - foi massacrada pelo então prefeito Zezé Barbosa.